Arte: Pinacoteca recebe Interior Profundo no Bom Retiro

A partir deste sábado (04), a Pinacoteca de São Paulo recebe a mostra de arte do mestre Júlio Santos intitulada Interior Profundo. A exposição vai até o dia 12 de outubro, de terça a domingo das 10h às 18h, com estrada até as 17h30.

No auditório do museu, os visitantes poderão participar de um Workshop com o artista, que começa às 15h e vai até as 17h30.  A mostra conta com 120 imagens produzidas desde 1960 entre originais do acervo do artista, daguerreótipos, fotos restauradas e fotopinturas recentes, incluindo uma série feita especialmente para a exposição.





Mestre Júlio Santos (Fortaleza, CE, 1944) começou a trabalhar com a fotopintura digital no início do século XXI, em sua própria oficina, o Áureo Studio. Além das imagens, a mostra traz também documentos e amostragens de modelos de roupas (em acetato) usados no trabalho das fotopinturas.

Foi na Sociedade Cearense de Artes Plásticas (SCAP) que reunia artistas como Aldemir Martins, Mario Barata e Estrigas, além de seu próprio pai, Didi, que Mestre Júlio começou a trabalhar, aos 12 anos de idade. Passou por todas as etapas da fotopintura: revelação, reprodução, ampliação, retoque, contorno, roupa e afinação. No início da década de 70, contribuiu para a reativação do Foto Paris, importante ateliê de fotopintura e estúdio fotográfico em Fortaleza. Em seguida, juntou-se a seu irmão Joaquim e a Antenor Medeiros (parceiro de seu pai Didi na fundação do Áureo Studio) para recuperar a oficina, formando sua própria equipe de profissionais com garotos de rua.





Deixe seu comentário