No Bom Retiro, paulistas fazem doações para vítimas do Rio de Janeiro

A Unidade da Cruz Vermelha na avenida Moreira Guimarães, em São Paulo, recebeu donativos para as vítimas das chuvas na região serrana do Rio de Janeiro, durante a manhã deste domingo (16).

O trabalho de arrecadação de alimentos, aguá e colchões, entre outros produtos, foi interrompido, por volta das 13h30, por falta de espaço na sede da Cruz Vermelha. Isso fez com que muitas pessoas tivessem que procurar por outros locais de coleta.

Os interessados em ajudar os atingidos pelas chuvas no Rio de Janeiro também puderam deixar suas doações na LBV (Legião da Boa Vontade), no bairro Bom Retiro. Neste sábado (15), a primeira carreta carregada com 22 toneladas de donativos deixou a capital em direção ao Rio.





Mortes
O número de mortos em decorrência das chuvas que devastaram a região serrana do Estado do Rio de Janeiro já chega a 635, de acordo com informações da Secretaria Estadual de Saúde e Defesa Civil.

Nova Friburgo foi a cidade mais castigada, com 287 mortos. Em seguida vem Teresópolis (269), Petrópolis (56), Sumidouro (19) e São José do Vale do Rio Preto (quatro).

Já a quantidade de desalojados e desabrigados ultrapassa 14 mil. Só em Petrópolis são 6.400 pessoas foram obrigadas a sair de suas casas.

Fonte: R7





Deixe seu comentário